ALTA FREQUÊNCIA

O alta frequência portátil é um aparelho indispensável para o campo da estética. Seu uso é fundamental para finalizar uma limpeza de pele, mas também em outros tratamentos como cauterização de regiões específicas, ativação do couro cabeludo, depilação, entre outros. Designer de Sobrancelha, Cabeleireiro, Tricologista, Podólogos, Barbeiros já usam os benefícios do aparelho de alta frequência em suas ações e tratamentos diários.

O QUE É ALTA FREQUÊNCIA

Vamos resgatar primeiro o que é uma alta frequência e como ela funciona. Existe uma passagem de corrente elétrica no equipamento sendo os fluxos muito rápidos, ou seja, em uma alta frequência.  Os corpos que são eletricamente carregados, geram um campo eletromagnético e é esse campo eletromagnético que tem o mecanismo de ação da alta frequência.

Você tem a caneta de aplicação e a ponta um eletrodo de vidro, e vidro não é bom condutor de corrente elétrica. Então essa passagem de corrente fica acontecendo dentro do eletrodo só que o corpo está eletricamente carregado.

O campo elétrico começa a funcionar, gerando na superfície de contato eletrodo e pele uma diferença de potencial, com essa diferença geramos o elemento ozônio.

O ozônio é o principal elemento que vai ter quase todos os mecanismos de ação

desse recurso, tendo uma atividade antisséptica muito importante para qualquer recurso que precise de antissepsia tecidual.

7 BENEFÍCIOS DA ALTA FREQUÊNCIA

  • Bactericida: elimina as bactérias anaeróbicas e diminui a proliferação das aeróbicas.
  • Efeito Térmico: melhora o metabolismo celular, a oxigenação das células e o fluxo sanguíneo;
  • Estimulante: melhora a circulação sanguínea na região;
  • Fungicida: elimina fungos importantes, como Tinea Captis;
  • Hemostático: estanca sangramentos e diminui a resistência elétrica da pele;
  • Oxigenante: melhora a oxigenação da pele;
  • Vasodilatador: estimula a circulação.

Isso é o que torna esse aparelho de alta frequência  o melhor custo benefício. Por sua eficácia de tratamento.

TÉCNICAS DE APLICAÇÃO

  • Fluxação ou Efluviação: técnica com passagem lenta e por igual dos eletrodos, geralmente eletrodos com superfície plana, em contato direto sobre a pele.

Esta técnica é indicada nos casos de: pós depilação, tratamentos capilares, pós limpeza de pele onde necessita da ação bactericida, fungicida e bacteriostática do ozônio.

  • Faiscamento Direto: o eletrodo é aplicado um pouco afastado da pele provocando faíscas, nesse método de aplicação ocorre a formação de Ozônio.

Esta técnica é indicada nos casos de: pós depilação, tratamentos capilares, pós limpeza de pele como bactericida e fungicida.

  • Faiscamento Indireto: o cliente segura o eletrodo saturador em uma das mãos e a bobina na outra, (retire objetos de metal que o cliente esteja usando) o profissional atua na pele deste cliente realizando tamborilamento ou pinçamento.

Essa técnica permite tonificar e estimular as terminações nervosas da pele, além de permitir a permeação de ativos cosméticos.

  • Fulguração: técnica que utiliza o eletrodo fulgurador ou cauterizador com o faiscamento direto, nessa aplicação obtêm-se a formação do ozônio que agirá na cicatrização e no estancamento de sangue (efeito homeostático). Também é utilizada após esvaziamento de pústulas pós limpeza de pele.

PRINCIPAIS APLICADORES

A alta frequência possui diversos aplicadores, o que auxilia na melhor forma de aplicação para cada área desejada.

  • Esférico: Quando há contato direto com a pele, sendo utilizado, em áreas da face e do pescoço, após a fase de extração na limpeza de pele. Também é usado nos procedimentos de podologia.
  • Pente: Usado em tratamentos capilares, principalmente em casos de alopecia seborréica e a androgenética. Com o eletrodo, é possível melhorar a circulação local, para ajudar em tratamentos relacionados com a oleosidade do couro cabeludo, e com a queda de cabelo.
  • Forquilha: usado em modo de fluxação ou faiscamento direto, em áreas que sejam arredondadas ou curvas, como o pescoço e as mamas. 
  • Saturador: Usado no modo de faiscamento indireto quando não tem nenhum contato direto com a área desejada e é usado para permear princípios ativos. Esse é o caso de drenagem e de melhora de vascularização.
  • Cauterizador: Utilizado em áreas específicas e menores. Usado após a extração na limpeza de pele, tendo como objetivo cauterizar e fazer a homeostasia da pele. 

INDICAÇÕES

  • Pele oleosa e com acne;
  • Feridas e inflamações;
  • Infecções em lesões podais;
  • Cauterização de pele após extração de pústulas e pápulas;
  • Permeação de princípios ativos;
  • Pele sem vida;
  • Pele e couro cabeludo sem circulação adequada;
  • Couro cabeludo infecionado;
  • Feridas abertas.

CONTRA INDICAÇÕES

Algumas contra indicações para auxiliar na hora de utilizar com diferentes pacientes. 

  • Utilização em áreas da pele que estejam úmidas e/ou com produtos que contenham substâncias inflamáveis, como álcool, éter.
  • Regiões que apresentem manchas ou nervos de coloração e espessura alteradas;
  • Aplicação em locais onde existam próteses metálicas;
  • Em portadores de marca-passo cardíaco artificial e/ou de qualquer outro dispositivo eletrônico implantado e/ou na proximidade desse tipo de pacientes;
  • Epilepsia;
  • Gestantes;
  • Neoplasias;
  • Diabéticos descompensados;
  • Alterações de sensibilidade.
  • Pacientes com câncer ou em tratamentos de radioterapia e quimioterapia.

ALTA FREQUÊNCIA NA DEPILAÇÃO

Na depilação auxilia para acalmar a pele por ser bactericida, auxilia na prevenção e tratamento da foliculite, podendo ser utilizada na também para cauterização de pelos encravados inflamados. 

ALTA FREQUÊNCIA NA LIMPEZA DE PELE

É indicado na limpeza de pele já que gera o ozônio que é conhecido pela sua função antisséptica evitando contaminações com bactérias.

EQUIPAMENTOS DE ALTA FREQUÊNCIA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *