Fisioterapia no Tratamento de Lesões


A Fisioterapia é a área da saúde que promove, desenvolve, mantém e reabilita o movimento funcional do corpo com o objetivo de resguardar a qualidade de vida e o bem-estar das pessoas.

Em outras palavras, a Fisioterapia cuida do sistema de movimento humano para evitar, tratar e recuperar traumas ou alterações de funcionalidade.

Assim, quando alguém tem seus movimentos e funções comprometidas por dor, lesões, envelhecimento, doenças ou distúrbios, é a Fisioterapia que possibilita a melhora do seu quadro clínico e a sua recuperação.

História da Fisioterapia

A prática da Fisioterapia tem origem nas técnicas de terapia manual e se constituiu como atividade no final do século XIX, na Inglaterra, fundada nos conhecimentos teóricos e práticos da enfermagem e da medicina.

Inicialmente, sua contribuição se dava no alívio de pacientes com problemas ortopédicos e reumáticos, mas a partir do século XX foi associada à reabilitação de pessoas com sequelas decorrentes das guerras mundiais.

Desde então, a Fisioterapia vem se estabelecendo como recurso primordial, tanto na reabilitação dos movimentos e funções do corpo, quanto na promoção da saúde e prevenção de doenças.

O campo de atuação se tornou vasto e diversificado, compreendendo múltiplas especialidades. Neste artigo vamos falar sobre a Fisioterapia Esportiva, que busca a reabilitação de lesões, proporcionando mais saúde e bem-estar para as pessoas.

Fisioterapia Esportiva

Os praticantes de esporte, sejam profissionais ou amadores, estão sujeitos a lesões, que podem ser moderadas, como caibras e contusões, ou mais graves, como fraturas e rupturas de ligamento.

Associada à prática de esporte, a Fisioterapia Esportiva atua na identificação, no tratamento e na recuperação das lesões causadas por exercício físico.

Os objetivos dessa especialidade são: tratar as lesões causadas pelo desgaste do tecido muscular e das articulações, proporcionar o retorno da pessoa ao esporte e evitar o retorno das lesões e outras contusões oriundas delas.

Tratamentos da Fisioterapia Esportiva

As lesões decorrentes da prática de esporte produzem dor e desconforto, podendo incapacitar e afastar o atleta da atividade por um período prolongado.

Esse afastamento gera impactos físicos, emocionais e até financeiros que podem ser minimizados com a prescrição de um tratamento adequado.

Dependendo do quadro clínico, o tratamento pode ser realizado por meio de terapia manual, treino funcional, estabilização segmentar, massoterapia, bandagens funcionais e eletroterapia.

TERAPIA MANUAL

A terapia manual consiste em um conjunto de técnicas terapêuticas que geram reações fisiológicas capazes de equilibrar e normalizar as alterações funcionais da área lesionada, enquanto o treino funcional e a estabilização segmentar envolvem uma série de exercícios que procuram melhorar mobilidade, equilíbrio, estabilidade, coordenação e força.

A massoterapia, por sua vez, é utilizada para estimular a circulação sanguínea, a mobilidade e a elasticidade, promovendo conforto e alívio para as dores decorrentes da lesão. Uma das técnicas mais utilizadas atualmente é a liberação miofacial, que atua em tecidos superficiais e profundos.

Clique aqui para saber mais sobre os produtos de liberação miofascial

No caso das bandagens funcionais, são utilizadas fitas adesivas com propriedades elásticas que mantêm as estruturas musculares e articulares corretamente posicionadas, proporcionando alívio das dores, relaxamento e bem-estar aos pacientes.

Clique aqui para ver as opções de bandagens

Eletroterapia

Já na eletroterapia, são utilizados aparelhos que emitem correntes elétricas de baixa intensidade que tratam condições como dor, espasmos e inchaço, aceleram a cicatrização e regeneração dos tecidos moles e promovem o fortalecimento muscular.

As principais técnicas de aplicação da eletroterapia são:

Ultrassom:
Emite ondas sonoras que favorecem a regeneração dos tecidos afetados, pela estimulação do fluxo de sangue e aumento do metabolismo.

O aparelho mais vendido do Brasil é o Sonopulse III 1 e 3Mhz devido ao seu custo/beneficio e sua abrangência de protocolos.

Clique aqui para saber mais sobre o Sonopulse III

Corrente russa:
Atua no nível muscular, melhorando a circulação sanguínea e promovendo aumento da força e do volume do músculo. O Neurodyn 10 canais e o Stimulus Physio estão entre os melhores aparelhos do mercado.

CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS

Diatermia
por ondas curtas: produz calor no corpo de forma mais profunda para reduzir a inflamação e a rigidez muscular, aliviar espasmos, regenerar tecidos lesionados e nervos periféricos e diminuir hematomas. O Diatherapic atua por microondas e possui um design portátil.

Clique aqui e conheça o Diatherapic

Tecarterapia
Proporciona um aumento de fluxo sanguíneo local e do aporte de oxigênio, vasodilatação e nutrição tecidual. A terapia ajuda ainda na redução de espasmos musculares por gerar um aquecimento tecidual, superficial e profundo. Atua principalmente no âmbito da reabilitação, trazendo alívio da dor, diminuição de fadiga e consequente relaxamento. O Neartek Recover e o Tekah Evolution são dois grandes lançamentos desta temporada

Clique aqui e conheça esses dois grandes lançamentos e seus diferenciais.

Terapia a laser de baixa intensidade:
Produz um efeito anti-inflamatório, analgésico, regenerador e cicatrizante dos tecidos. O Antares tem sido amplamente utilizado devido a sua grande variedade de ponteiras e tratamentos.

Clique aqui e conheça o Antares

Estimulação elétrica funcional – TENS e FES:
A corrente FES promove a contração de músculos paralisados ou extremamente fracos, favorecendo o fortalecimento das fibras, já a TENS, emite correntes elétricas que estimulam nervos e músculos através da pele, bloqueando os sinais de dor. O Neurodyn portátil e o Stim Care, são ótimas opções, devido ao seu preço e portabilidade.

CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS.

Cada corrente elétrica atende a um propósito e provoca reações físicas, biológicas e fisiológicas diferentes, portanto o fisioterapeuta deve avaliar e definir a mais adequada para a lesão que está sendo tratada.

A Fisioterapia tem ainda diversas especialidades que dão apoio na reabilitação e recuperação de lesões tais como a Cardiovascular, a Respiratória, Neurofuncional, Traumato-Ortopédica, Gerontologia, entre outras.

Mas esses são assuntos para futuros artigos, se quiser saber mais sobre as especialidades da Fisioterapia, acompanhe o nosso blog e nos siga nas Facebook Instagram. Toda semana tem conteúdo novo para você. 

Fonte: Fisioterapia Brasil (https://bit.ly/37h2RvY)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *